Taynara Figueiredo, repórter da RecordTV em São Paulo, recebeu uma ofensa de um suspeito de matar um homem e atacar três bolivianos, enquanto ela fazia reportagem para o “Cidade Alerta”. Ele estava sendo colocado no camburão da viatura da Polícia Civil de São Paulo quando a xingou de feia.

“Essa tranquilidade. [Você] Tá tranquilo?”, perguntou a repórter após questionar o homem suspeito do crime de assassinato, que também estava sendo filmado por outras equipes de reportagem.

“Você é feia”, respondeu o suspeito preso de forma bem ríspida, sem se importar. O nome dele não foi identificado no trecho compartilhado pelo programa policial no Twitter, nem o da vítima.

“Ah, você é lindo! Tira esse cara pálida da tela”, pediu o apresentador Luiz Bacci, antes de debochar do homem chamando ele de “lindão” e “Brad Pitt”.

No meio da tarde, Taynara comentou o ocorrido nos Stories do seu Instagram: “Um bandido assassino acabou de me chamar de feia. Mas a minha equipe me acha bem bonitinha, inclusive trouxeram até cappuccino”.

Ainda nos Stories, Taynara compartilhou um trecho maior do suspeito saindo preso da delegacia para a viatura negando o crime. Segundos depois ele ofende ela e a chama de feia.