Equipamento especializado é referência na coibição da violência doméstica

A Prefeitura de Suzano marcou presença no aniversário de sete anos da Delegacia de Defesa da Mulher (DDM), comemorado nesta quinta-feira (11/08). O evento, realizado na própria unidade (rua Presidente Nereu Ramos, 302 – Jardim Santa Helena), foi prestigiado pela primeira-dama Larissa Ashiuchi e pelo chefe de Gabinete, Afrânio Evaristo, que, na oportunidade, representaram o prefeito Rodrigo Ashiuchi.

No evento, Larissa parabenizou a atuação da delegada Silmara Marcelino, responsável pela unidade desde a implantação, em 2015. De acordo com a primeira-dama e dirigente do Serviço de Ação Social e Projetos Especiais (Saspe), o equipamento é uma ferramenta indispensável para a proteção e a garantia de direitos. “Suzano é uma das poucas cidades a contar com uma delegacia especializada, o que coloca o município como referência na assistência à mulher”, disse.

Larissa ainda reforçou a importância dos canais de denúncias e de demais instrumentos de apoio. “O combate à violência precisa ser trabalhado em diferentes esferas do poder público, sendo também um dever da sociedade se atentar à problemática. Em Suzano, além da delegacia, contamos com o Anexo de Violência Doméstica e Familiar e com a Patrulha Maria da Penha, que é um grupamento da GCM responsável por verificar o cumprimento das medidas determinadas pela Justiça e reprimir eventuais atos de violência”.

A primeira-dama finalizou parabenizando a delegada e a atuação de todos os setores e servidores envolvidos com a causa, sendo também uma bandeira da administração municipal, que se empenha na capacitação e no empoderamento do público feminino suzanense. “A violência doméstica ainda é um desafio a ser superado. Sabemos das lacunas e seguimos trabalhando para combater a situação desde o cerne, apostando no empoderamento de nossas mulheres e meninas, para que todas saibam identificar a violência e se sintam seguras em colocar um basta”.

O evento ainda foi prestigiado pela secretária municipal de Administração, Cintia Renata Lira; pela comandante da Guarda Civil Municipal (GCM), Rosemary Caxito; pela vereadora Gerice Lione; pelo deputado estadual Estevam Galvão; pela coordenadora da Patrulha Maria da Penha, Jaqueline Lima; pela diretora de projetos do Saspe e coordenadora do curso de Promotoras Legais Populares, Sandra Lopes Nogueira; pela coordenadora da Sala Rosa e pela presidente da Comissão da Mulher Advogada, Maria Margarida Mesquita.

Por parte da Polícia Civil também estiveram presentes o chefe de operações especiais Maurício Freire e os delegados Marcio Cursino e Francisco Del Poente. Já pela Saúde suzanense estiveram as diretoras de Flávia Verdugo (Atenção à Saúde), Cíntia Steffens Watanabe (Rede de Urgência e Emergência), Magna Damasceno (Rede de Atenção às Pessoas em Situação de Violência Doméstica e/ou Sexual) e Dulce Ramos (Rede de Atenção Psicossocial).

Agosto Lilás

Durante o evento na DDM, a administração municipal também promoveu a distribuição de material orientativo referente à campanha “Agosto Lilás”, voltado à conscientização do combate à violência doméstica em alusão ao aniversário da Lei Maria da Penha (Lei Federal 11.340/2006), que completa 16 anos também neste mês de agosto.

Crédito das fotos: Andreza Rodrigues/Secop Suzano