As 20 contempladas com curso de eletricista começarão as aulas na próxima segunda-feira (08/08) no campus de Suzano

 

A Prefeitura de Suzano, por meio das Secretarias de Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego e de Assistência e Desenvolvimento Social, garantiu a 20 pessoas a participação no primeiro curso de formação inicial em Eletricista Predial de Baixa Tensão, vinculado ao programa de extensão “Mulheres do IFSP”. A iniciativa, exclusiva para o público feminino, é promovida pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP) – Campus Suzano e assegura mais oportunidade de emprego, renda e empoderamento às alunas.

 

De acordo com o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego, André Loducca, a pasta mantém um diálogo constante com a entidade, possibilitando que o projeto pudesse avançar na cidade, por meio da seleção de mulheres com o perfil proposto, por meio também do apoio da Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social.

 

Ao todo, 20 alunas farão parte do curso neste semestre, cuja as aulas começarão na próxima segunda-feira (08/08). “A formação oferecida gratuitamente pelo IFSP vem para trazer mais oportunidade a essas mulheres em situação de vulnerabilidade. O objetivo é a geração de emprego e renda a partir do conhecimento técnico em um novo ofício, para que elas possam viver com dignidade e iniciar uma nova vida, sendo que muitas vêm de um histórico de violência doméstica”, explica.

 

Além da formação técnica, as contempladas serão beneficiadas com uma bolsa-auxílio mensal, a fim de ajudar nas despesas com transporte. Outro diferencial do programa é o acompanhamento de um núcleo social, formado por psicólogos e assistentes sociais, que deverá oferecer apoio às alunas neste período.

 

Segundo a coordenadora-geral do programa “Mulheres do IFSP”, Mariana Bertolotti, as aulas seguem até a segunda quinzena de dezembro, sendo que as participantes ainda contarão com um conteúdo programático focado no combate e na revenção à violência e outras oficinas temáticas, abordando a maternidade e assuntos inerentes ao perfil do público. Logo no primeiro dia, a convidada especial será a comandante da Guarda Civil Municipal (GCM), Rosemary Caxito. 

 

“Ao longo deste período vamos receber nossos professores de História e Sociologia para o exercício ‘Narrativas Sobre Si’, que visa resgatar a essência dessas mulheres para a elaboração de um pequeno livro de histórias ao final do curso. O projeto faz parte do programa de extensão ‘Mulheres do IFSP’, que fizemos pela primeira vez em Suzano em 2015 e agora, em 2022, retomamos com a primeira turma de eletricistas exclusivamente feminina”, comemora Mariana.       

 

 

Créditos das fotos: Wanderley Costa/Secop Suzano e Divulgação/Secop Suzano