A história de Franco da Rocha é marcada por uma abundante produção artística, desde a arte terapia, utilizada como ferramenta de expressão e comunicação de sentimentos dos pacientes do Complexo Hospitalar do Juquery, até a criação intensa e diversa dos artistas atuais, que dão vida à memória e à história da cidade em seus trabalhos.

Parte desta produção estará aberta ao público na exposição de artes plásticas “Entre Auroras, Mulheres e Franco da Rocha” que, através de um recorte feminino e plural, celebra a criação de artistas que nasceram ou viveram na cidade.

Com obras de Aurora Cursino, Cris Proença, Fátima Araújo, Marilia Mabilia e Samara Satiko, a mostra, criada pela prefeitura, por meio da Secretaria da Educação e Cultura, ficará em cartaz de 5 a 28 de agosto na Casa de Cultura Marielle Franco, localizada na rua Dona Amália Sestini, 85 – Centro. O horário de visitação é de segunda a sexta das 9h às 17h e aos sábados das 11h às 17h.

A abertura da exposição será nesta sexta-feira (5), às 18h, e contará com uma apresentação da “Cia. Elas em Corpo”.

Conheça mais sobre as artistas:

Aurora Cursino
Aurora foi internada no Hospital Psiquiátrico do Juqueri em 1944, onde frequentou a Oficina de Pintura e, mais tarde, a Escola Livre de Artes Plásticas.

“Sem ter experienciado atividades artísticas antes de sua internação, (…) ela alcançou, com sua produção, níveis pictóricos marcantes. (…) A produção, níveis pictóricos marcantes. (…) A transposição para a pintura de fatos vividos e imaginados, misturavam-se a uma linguagem expressiva, frases soltas e colorido intenso. Trabalhando com cores quentes, vibrantes, realçadas por contrastes expressivos, a sua temática vai refletir cada vez mais, um mundo imaginário e de alucinações”. Maria Heloisa Corrêa de Toledo Ferraz, FERRAZ, Maria Heloisa Corrêa de Toledo. A Escola Livre de Artes Plásticas do Juquery São Paulo: ECA/USP, 1989 (Doutorado). Coleção: Museu de Arte Osório Cesar Cortesia: Complexo Hospitalar do Juquery e Pref. de Franco da Rocha.

Cris Proença
Artista e professora de arte na rede Estadual de São Paulo, mora no Jardim União, em Franco da Rocha, desde quando nasceu. Tem 33 anos, e é formada em Artes Cênicas pela Faculdade Paulista de Artes. Apaixonada por todas as linguagens da arte, atualmente dedica-se, em especial, ao desenho e a pintura.

Fátima Araújo
Moradora de Franco da Rocha, neta de maestro, filha de artista carpinteiro do Hospital Psiquiátrico do Juquery, recebeu da sua avó o dom da arte. Participou de feiras internacionais de artesanato com diversas técnicas aplicadas às peças. Hoje, trabalha com mosaico em vidro criando obras com significados religiosos e sagrado feminino.

Marilia Mabilia Por Amor em Nós
Artista têxtil que desenvolve peças decorativas em macramê, incluindo painéis, suporte para plantas, luminárias e mandalas. Moradora do Jardim Cruzeiro, em Franco da Rocha. Usa como impulso para seguir com esse trabalho a crença de que pode distribuir amor através dos nós manuais de seu processo com fios.

Samara Satiko
Desenha desde os 5 anos de idade e pinta desde os 15, sempre abordando a força e fragilidade feminina na área do realismo. Atua como professora de desenho e pintura nas Oficinas Culturais. Artista autodidata, já teve obras premiadas em livepainting realizadas em São Paulo

Cia. Elas em Corpo
Mulheres que com a dança, buscam mostrar o quão perfeita cada uma é, com a expressividade de seus corpos e suas regras. Integrantes: Nicole Barros, Paloma Fontes, Yara Maria e Larissa Soares.