Ivanir de Almeida Ferreira foi vista pela última vez por volta de 5h de quinta-feira (28), ao sair de casa, no bairro Jardim América. Família diz que ela faz tratamento para esquizofrenia.

O corpo de uma idosa foi encontrado na tarde desta terça-feira (2) às margens do Rio Jundiaí, em Campo Limpo Paulista (SP).

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o corpo estava em estado avançado de decomposição, e que segundo um familiar que está no local, a mulher sofria de esquizofrenia e tomava remédio controlado.

O membro da família reconheceu o corpo pelas roupas e disse ainda que ela estava desaparecida desde quinta-feira (28).

A corporação aguarda a chegada da perícia para investigação.

Idosa desaparecida

Ivanir de Almeida Ferreira, desaparecida em Campo Limpo Paulista — Foto: Arquivo pessoal

Ivanir de Almeida Ferreira, desaparecida em Campo Limpo Paulista — Foto: Arquivo pessoal

A família de Campo Limpo Paulista (SP) procurava pela idosa de 72 anos. Ivanir de Almeida Ferreira foi vista pela última vez no bairro Jardim América, por volta das 5h.

Segundo o boletim de ocorrência, familiares contaram à polícia que a idosa faz tratamento para esquizofrenia no Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) da cidade.

Ainda de acordo com o registro, uma vizinha de Ivanir ligou para a família e disse que viu a mulher andando na rua, na madrugada de quinta-feira. Ao chegar na casa, os parentes não encontraram mais a idosa.

Um boletim de ocorrência foi registrado na delegacia da cidade e o caso já estava sendo investigado.