Unidade começou a funcionar em 3 de agosto de 2020, evitando que o público precisasse se deslocar até a região central de Suzano

 

Dois anos após o início do funcionamento do Centro Unificado de Serviços (Centrus) Norte, mais de 25 mil atendimentos à população foram realizados durante o período, o que representa quase 40 por dia. Entre os principais estão os voltados ao Cartão SUS (6,5 mil); Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) e dívida ativa (5,9 mil); projeto Suzano Mais Emprego (4,6 mil); Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – Sebrae (2,7 mil); e Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo – Sabesp (970).

 

A unidade fica localizada na área interna do Supermercado Nagumo, na avenida Francisco Marengo, 2.301, no Jardim Dona Benta. Começou a funcionar em 3 de agosto de 2020 e facilitou a vida dos cerca de 130 mil moradores da região norte de Suzano que, desde então, não precisam mais se deslocar por quase oito quilômetros em uma hora de ônibus até a região central.

 

Além dos mais procurados, a unidade ainda oferece serviços voltados à Junta Administrativa de Recursos de Infrações (Jari), Banco do Povo e protocolo municipal. Outro que pode ser encontrado no Centrus Norte e que tem grande procura é o acolhimento externo. Nele, os moradores com mobilidade reduzida ou outras restrições recebem a visita dos funcionários da unidade. Somente nestes dois anos foram 1,5 mil atendimentos realizados para este público

 

Os dados atestam o sucesso do Centrus Norte para a população de bairros como Cidade Boa Vista, Miguel Badra, Jardim Revista, Jardim São José e outros. Inclusive, a excelência na prestação dos serviços é tamanha que a unidade chega a receber público de cidades vizinhas “É claro que estas pessoas nos procuram somente para os serviços de responsabilidade federal e estadual, como o Cartão SUS e a Sabesp, e nós os atendemos sem problemas, já que temos representantes aqui”, afirmou o diretor da unidade, Arrones Dainez Júnior.

 

O local, de fato, oferece diversos serviços, entretanto há outros que só podem ser feitos por meio do Poupatempo. Ainda assim, o diretor aponta que o Centrus Norte faz o intermédio dos atendimentos junto ao governo do Estado. “É uma parceria que nós temos. O interessado nos procura para fazer o agendamento, já que algumas vezes ele mesmo não consegue por questões de trabalho ou de outra ordem, e nós marcamos para que ele possa depois realizar o serviço”, definiu Dainez Júnior.

 

Agilidade e economia

O secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Geração de Emprego, André Loducca, também celebrou o sucesso dos atendimentos na zona norte nestes dois anos de existência. “É gratificante saber que oferecemos um bom serviço à população sem precisar que ela atravesse metade da cidade. Isso gera economia e agilidade para este público e também impacta no trânsito com a diminuição de usuários do transporte público”.

 

Os dois anos de funcionamento também foram destacados pelo prefeito Rodrigo Ashiuchi, que elogiou os atendimentos. “Suzano avança cada dia mais e esta região da cidade cresce junto com comércios de pequeno e grande porte, a chegada de empresas e a proximidade com a rodovia Ayrton Senna (SP-70). Ter um Centrus para atender toda essa população, para mim, é motivo de orgulho e felicidade, sem falar na agilidade que a unidade norte traz aos usuários dos serviços”, concluiu o chefe do Executivo.

 

 

Crédito das fotos: Wanderley Costa/Secop Suzano