Entre os dias 6 e 11 de setembro, Itaquaquecetuba terá uma programação especial em comemoração aos 462 anos da cidade com shows, cavalgada e desfile cívico. A Festa do Peão será realizada sem dinheiro público ao lado do Itaquá Garden Shopping, no Jardim Adriane, com acesso pelas estradas Governador Mário Covas Júnior e Municipal do Mandi.

Cerca de 80 mil pessoas são esperadas para os dias de festividade e a abertura ficará por conta da dupla Matheus e Kauan na terça-feira (6), Raça Negra na quarta (7), Zé Vaqueiro na quinta (8), Thiaguinho na sexta (9) e Os Barões da Pisadinha no sábado (10). Será possível assistir aos shows de graça na arena. Para a área vip e camarote, os ingressos estão sendo comercializados (https://cutt.ly/bZVGmTL) pela organização do evento.

De acordo com o prefeito Eduardo Boigues, o momento é de confraternização. “Ainda temos muito trabalho pela frente, mas já conseguimos grandes conquistas, por isso nosso povo merece celebrar o aniversário de Itaquá com o rodeio, esse grande evento que não terá custo para os cofres públicos”, disse. Os portões vão abrir às 18h e os shows têm início previsto às 23h30.

A secretária de Cultura, Maria Ana Rosa, acrescentou que a cidade segue o padrão de referência na região com a maior festa de portas abertas e de graça. “Para abrilhantar o evento, realizaremos o concurso da Rainha do Rodeio. Mulheres de 16 a 35 anos podem participar, basta realizar a inscrição até o dia 18 deste mês e ficar na torcida”, contou. O regulamento está disponível em https://cutt.ly/BZGsGou.

Como parte da programação, a prefeitura realizará um desfile cívico no dia 7. A concentração será às 7h30 na avenida Emancipação com destino à praça Padre João Álvares, no centro, onde será o desfile e a dispersão às 9h. Escolas municipais e estaduais, associações, corporações musicais, entidades filantrópicas, motoclubes e as secretarias municipais participarão. Ainda no dia 7 e também no dia 8, das 13h às 22h, serão realizadas atividades na praça e a tradicional missa na Igreja Matriz.

Para encerrar as festividades, no domingo (11), com saída do Parque Ecológico e destino ao local da Festa do Peão, ocorrerá a cavalgada com moda de viola, Queima do Alho, que é a culinária típica das comitivas de peões de boiadeiro, além da apresentação de artistas locais. O horário ainda está sendo definido.

O secretário de Turismo, Douglas Freire, destacou que após dez anos sem o rodeio, a população pode se divertir e ainda ser solidária. “O evento é gratuito, mas pedimos, para quem puder, doar um quilo de alimento não perecível que será revertido ao Fundo Social de Solidariedade”, finalizou.

Fotos: Divulgação (entrada da cidade) e Dayane Oliveira (praça central)