Eliane Giardini expõe que gosta de uso de vibradores

Um sucesso da teledramaturgia brasileira, Eliane Giardini surpreendeu a todos por conta de uma entrevista recente. Aos 69 anos, ela que tem uma extensa carreira de sucesso na Globo, agora está em cartaz com uma peça em São Paulo.

Na obra “Intimidade indecente”, a qual ela estrela ao lado de Marcos Caruso, Eliane Giardini vive uma mulher de 60 anos que busca redescobrir o mundo sozinha após uma separação. Nisso, ela conversou com a Veja, e falou que está solteira, mas não está atrás de ninguém, porém, é aquela, se aparecer, não tem o porque não.

Além disso, ela ressaltou que está bem quanto a atividade sexual, isso porque, ela defendeu que não necessariamente precisa de um parceiro para se satisfazer. “Não estou procurando, mas permaneço atenta. De qualquer forma, existem outras eficientes maneiras de se exercer o sexo o tempo todo. Vibradores, por exemplo: sabendo usar, não vai faltar bem-estar”, expôs ela.

Ela foi casada por 20 anos com o ator Paulo Betti e comentou que apesar de completar 70 anos em outubro, ela não sente o peso da idade. “É tão surreal esse número, não me identifico com os 70, mas estou chegando a eles muito bem”, falou Eliane Giardini.

MORTE DO NETO

Eliane Giardini não deixou transparecer que passava por um momento bastante delicado durante as gravações da novela Órfãos da Terra, da Globo.

Em 2019, a atriz perdeu o neto, Antônio, para a leucemia. Na época, a notícia causou uma enorme comoção entre o público que a acompanhava na novela.

Antônio tinha apenas 1 ano de idade quando enfrentou o tipo mieloide da doença, mas acabou não resistindo à agressividade do tratamento, que era feito na base da quimioterapia. Ele era o bebê de Mariana, filha de Eliane Giardini com Paulo Betti.