Houve apresentação de taiko na estação da CPTM e evento especial no Templo Honpa Hongwanji

 

A Estação Suzano da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) recebeu, na tarde do último sábado (18/06), uma apresentação de taiko, que são instrumentos tradicionais de percussão promovida pelo grupo Kouran Daiko, da Associação Cultural Suzanense Bunkyo. O evento fazia parte das comemorações de 114 anos da imigração japonesa no Brasil, com a chegada do navio Kasato-Maru com os primeiros 781 imigrantes nipônicos ao País, no Porto de Santos, e chamou a atenção de quem passava pelo local.

 

No total, 18 integrantes do grupo liderado pela professora Sandra Sakura promoveram a performance. Representando a Prefeitura de Suzano, o secretário de Meio Ambiente, André Chiang, prestigiou o espetáculo realizado pelos percussionistas. “Gostei muito da apresentação. Fui até a estação a convite do presidente do Bunkyo de Suzano, Reinaldo Katsumata. Estão todos de parabéns. Trata-se de algo muito tradicional da cultura japonesa e que deve sempre estar presente em eventos e ocasiões especiais”, destacou.

 

Um dia depois, no domingo (19/06), o prefeito Rodrigo Ashiuchi e a primeira-dama Larissa Ashiuchi participaram de outra atividade também em alusão aos 114 anos de imigração japonesa no Brasil. Eles estiveram no Templo Honpa Hongwanji, localizado na rua Tiradentes, no centro da cidade. “É muito importante saber do passado, preservando-o e cultivando-o, para que assim possamos construir um futuro cada vez melhor e mais próspero. Diante disso, agradeço aos meus pais, avós e bisavós, que tanto me ensinaram e me apresentaram os valores necessários para hoje gerir uma cidade de maneira honesta, coesa e com muita fibra”, disse o prefeito.

 

Neste ano, Suzano também comemora o centenário da imigração japonesa na cidade e meio século de irmandade com Komatsu, que fica na província de Ishikawa, a mais de 400 quilômetros da capital do Japão, Tóquio. Na prefeitura da cidade-irmã, existe um espaço dedicado ao município suzanense.

 

 

Crédito das fotos: Mauricio Sordilli/Secop Suzano