A Prefeitura de Suzano dispõe de mais uma ferramenta para inibir o descumprimento das medidas restritivas impostas pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19). Trata-se do “Disk Aglomeração”, que poderá ser acionado via aplicativo de mensagens WhatsApp pelo número (11) 99317-3821.

Os munícipes poderão denunciar aglomerações, enviando foto e endereço a qualquer momento, com sigilo absoluto. As informações serão encaminhadas às equipes de atuação, formada por agentes da Guarda Civil Municipal (GCM), do Departamento de Fiscalização de Posturas, do Procon e da Vigilância Sanitária.

Assim que acionado, o “Disk Aglomeração” deverá acolher a demanda do denunciante e repassar os dados de localização da ocorrência aos respectivos órgãos responsáveis pela operação de abordagem, que ocorre com o apoio da Polícia Militar (PM).

O objetivo é reforçar o combate a aglomerações, como bailes, fluxos, festas e outros encontros clandestinos. A ferramenta deve reforçar o trabalho de fiscalização já desempenhado na cidade, com o monitoramento permanente e operações estratégicas na cidade.

O WhatsApp do “Disk Aglomeração” está integralmente disponível para o acolhimento de denúncias. Para informar as ocorrências, basta enviar uma mensagem indicando o endereço da aglomeração e, se possível, também encaminhar imagens que facilitem o trabalho das equipes.

Para o prefeito Rodrigo Ashiuchi, a medida será de extrema importância para a colaboração e integração dos munícipes neste trabalho de fiscalização. “Todo cidadão deve enxergar sua responsabilidade e zelar pela saúde pública. Agora lançamos mão de mais uma ferramenta tecnológica que vem para nos auxiliar nesta missão. Precisamos nos unir na luta contra a Covid-19, não é hora para festas e grandes comemorações. Conto com o comprometimento e a empatia dos suzanenses neste período tão difícil para todos nós”, afirmou.

Ashiuchi completou reforçando que o sigilo do denunciante é absoluto. “O WhatsApp é um recurso que está facilmente disponível e a todo instante em nossas mãos, vamos usá-lo para o bem. Não será preciso se identificar nas mensagens, queremos apenas combater a aglomeração. Nosso único objetivo é frear a disseminação do coronavírus na cidade e assim garantir mais saúde e segurança para todos”, declarou.