Em parceria com a Vigilância Sanitária, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Ferraz de Vasconcelos supervisionou o atendimento do restaurante Bom Prato na última terça-feira (23). A fiscalização verificou a qualidade da comida que está sendo servida e a organização das filas para que não haja aglomeração.

Devido ao agravamento da pandemia, a unidade oferece café da manhã, almoço e jantar em embalagens e talheres descartáveis para retirada, inclusive aos fins de semana. A inspeção verificou se todos os protocolos de segurança estão sendo realizados, e constatou que o local está seguindo todas as medidas sanitárias necessárias.

O Bom Prato é um programa social que oferece refeições a um baixo custo para pessoas em situação de rua e vulnerabilidade social.

Segundo o secretário da pasta e vice-prefeito, Daniel Balke, a prioridade é garantir a segurança alimentar da população mais vulnerável. “Comida de qualidade entregue a quem mais precisa, principalmente na fase emergencial. Continuaremos trabalhando muito para acolher cada ferrazense”, afirma Balke.

A equipe acompanhará diariamente as medidas de proteção social, como a reorganização das filas. Cabe destacar que as medidas e orientações de prevenção seguem disponibilizadas no restaurante, com a instrução do distanciamento na fila (inclusive com marcações no chão) e fornecimento de álcool em gel.

O Bom Prato está localizado na Rua Lourenço Paganucci, 155, na Vila Ana Maria, e oferece 300 cafés da manhã a R$ 0,50, a partir das 7 horas. No almoço, são 1,2 mil marmitex às 11 horas por R$ 1,00, e jantar às 17h30, com 300 refeições também a R$ 1,00.