Durante a revista na Penitenciária em Osvaldo Florentino Leite Ferreira (Ferrugem), em Sinop, a 503 km de Cuiabá, no Mato Grosso, um preso foi flagrado com oito celulares, cabos, chips e um fio de carregador no ânus. 

O ocorrido foi na última sexta-feira (18), mas o caso só foi divulgado nesta terça-feira (22).  

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública (Sesp), o homem foi descoberto durante um procedimento que é realizado para entrar na penitenciária.  

Os policiais identificaram um comportamento suspeito no homem recém-chegado. Após busca pessoal, ele foi submetido à inspeção eletrônica e o scanner corporal detectou a presença dos objetos.  

Raio-X mostra objetos no corpo do preso em Sinop — Foto: Sesp/MT

Após a descoberta, o preso confessou que o transporte dos materiais tinha como finalidade entrega-los para alguns presos da unidade.  

Sozinho, o detento expeliu oito mini aparelhos de celular com bateria, quatro plugs de cabo USB, sete chips celulares e um fio de carregador de celular. Não foi necessário atendimento médico.  

Os objetos estavam protegidos por bexigas e fitas isolante. Aos policiais, o homem alegou que receberia uma certa quantia em dinheiro caso conseguisse fazer a entrega. 

Diante disso, ele foi encaminhado para a ala destinada ao isolamento, como medida de prevenção ao novo coronavírus (Covid-19).  

A direção da penitenciária está investigando os envolvidos que encomendaram os objetos e a participação do preso nesse caso.

FONTE: G1