O Canil do 32° Batalhão da PM ganhou mais uma integrante, o nome da cadela é ‘Uzi’ da raça Bloodhound. O treinamento de aperfeiçoamento de identificação e rastreamento durará em torno de dois anos e tem como intenção ajudar na busca de pessoas desaparecidas.  

A notícia sobre a nova integrante foi publicada pelo Comando de Policiamento de Área 12 (CPA/M-12). Na página oficial do Estado-Maior da PM na região, o 2° sargento Eduardo de Lucena Coelho, falou sobre a importância da nova cadela, já que ocorrências de desaparecimentos de pessoas na região são extremamente frequentes.  

“É uma raça que, historicamente, está envolvida no trabalho de busca a desaparecidos. Cada vez mais proporcionar um trabalho de excelência ao povo do Alto Tietê”, disse. O treinamento da cadela Uzi, que deve durar dois anos, será dividido em duas etapas. “Acreditamos que, nos próximos meses, deveremos colher alguns frutos (do treinamento)”, destacou Lucena. 

De acordo com o policial, é a primeira vez que o Canil Setorial realizará esse treinamento específico em localizar pessoas, já que os demais cães do Canil são farejadores, ou seja, são treinados para encontrar drogas. ‘’Também desempenhamos um trabalho de cunho educacional. Vamos aperfeiçoar, ainda mais, o que é feito’’, finalizou Lucena. 

Fonte: DS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui