Pedido de renovação das viaturas foi realizado junto ao Ministério da Saúde em junho de 2018 Foto: Irineu Junior/Secop Suzano

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) recebeu oficialmente na manhã desta quarta-feira (5) duas novas viaturas. A entrega ocorreu em frente ao Paço Municipal e foi acompanhada pelo prefeito em exercício de Suzano, Walmir Pinto, e pelo prefeito de Poá, Gian Lopes. Dois veículos mais antigos serão substituídos e ficarão na reserva técnica para uso em caso de necessidade.

Estiveram presentes os secretários municipais de Saúde, Luis Cláudio Guillaumon, de Planejamento Urbano e Habitação, Elvis José Vieira, e de Esportes e Lazer, Arnaldo Marin Júnior, e os vereadores suzanenses Antônio Rafael Morgado, Leandro Alves de Faria, Neusa dos Santos Oliveira e Rogério Gomes do Nascimento. Também compareceram o vice-prefeito e secretário de Saúde de Poá, Marcos Ribeiro da Costa, e o secretário de Governo poaense, Fernando Miranda.

As ambulâncias serão destinadas para atendimento dos dois municípios. O pedido de renovação das viaturas foi realizado junto ao Ministério da Saúde em junho de 2018. Após o ato, os veículos seguiram para o processo de emplacamento e demais trâmites burocráticos. A expectativa do Samu é de que as unidades estejam autorizadas a operar plenamente a partir da próxima semana.

O prefeito em exercício agradeceu o trabalho conjunto de parlamentares e autoridades municipais pela viabilização da transferência de veículos para o Samu. “Nossas cidades ficam melhor assistidas, com maior agilidade para atender demandas de urgência e emergência. Com o esforço conjunto, nossa população ganha com mais saúde e tem a certeza de um serviço eficiente”, afirmou Walmir Pinto.

Atualmente, Suzano conta com três viaturas de atendimento básico e Poá com uma. Também há uma unidade de suporte avançado, que abrange as duas cidades, e outras três mantidas em reserva técnica (além das duas que chegam agora substituídas), que são utilizadas quando algum dos veículos está em manutenção ou higienização.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui